Nos acompanhe através das redes socias

Boletim Informativo

Para manter-se atualizado, cadastre seu e-mail e receba os nossos informativos periódicos!

21 de Novembro de 2020

Emoção e amor: Dia do Sim Nacional encerra o Conarci 2020

Fonte: Assessoria de Comunicação da Arpen-Brasil

Celebração reuniu casais de diferentes Estados em 18 serventias brasileiras e foi transmitida também pelo Youtbe para todo o país

 

O encerramento do Congresso Nacional do Registro Civil – Conarci 2020 foi mais do que especial. Pela primeira vez, a Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil) realizou o Dia do Sim Nacional, uma celebração simultânea de casamentos em Cartórios de Registro Civil de diferentes estados do Brasil. No total, 18 unidades de estados como Paraná, Maranhão, Bahia, Pará, Mato Grosso e Rio de Janeiro se inscreveram e participaram do evento.

O presidente da Arpen-Brasil, Arion Toledo Cavalheiro Júnior foi o responsável por ministrar a cerimônia, diretamente de Brasília, sede do Conarci 2020. Emocionado, falou aos noivos presentes de forma virtual no evento e definiu o casamento e a família como as instituições bases de nossa vida, daí a importância de um momento tão especial vivenciado pelos casais e pelos presentes no Congresso.

Cavalheiro disse ter certeza de que aquele se tornou um momento inesquecível para todos os envolvidos. “Essa celebração está fazendo história para o Brasil. Saibam que todos vocês estão fazendo parte do maior evento de casamento de nosso País, e isso jamais vai sair do coração de vocês e nem dos nossos”, afirmou.

O presidente também ressaltou o papel fundamental do respeito para o êxito de uma união amorosa. “O respeito por quem vocês amam é o que vai fazer com que seu casamento seja feliz e repleto de alegrias, além de compreender os momentos difíceis pelos quais o outro pode passar”, ressaltou. Cavalheiro também falou a respeito da simbologia do uso das alianças pelos casais, representando a infinitude que é desejada para cada relação.

“Desejo muitas felicidades, que Deus ilumine o casamento de vocês e que esse dia seja marcante na vida de todos assim como está sendo para o Registro Civil brasileiro.” Essas foram as últimas palavras do presidente da Arpen-Brasil, antes de autorizar que os juízes presentes em cada Cartório dessem continuidade às cerimônias. 

Registrador Civil: uma profissão de fé

João Carlos Almeida SCJ, conhecido como Padre Joãozinho, também é músico, escritor e apresentador de TV. Conhecido do grande público, especialmente da Renovação Carismática Católica (RCC), é um dos compositores católicos mais respeitados ao lado de outros padres como Zezinho e Jonas Abib. Coube a ele ministrar a palestra de encerramento do Conarci 2020 e intitulou o momento como: uma palavra de ânimo para esse momento de travessia.

“A matéria prima da minha profissão é a fé, assim como a do Registrador Civil que dá fé pública aos atos. Além disso, os registradores são historiadores, são agentes da história e da memória. E é a memória, tão desprezada no Brasil, que precisamos resgatar para que não esqueçamos de onde viemos e, também, para não cometer os mesmos erros”, declarou o sacerdote.

Padre Joãozinho classificou os registradores como uma classe íntegra e integrada e ainda cantou e tocou para os presentes e para os que acompanhavam o Congresso através do site do Conarci 2020 e do YouTube da Arpen-Brasil.

Coube ao presidente da Arpen-Brasil, Arion Toledo Cavalheiro Júnior, encerrar o Conarci 2020 declarando que o registrador civil não registra documentos, registra sentimentos.


Fonte: Assessoria de Comunicação da Arpen-Brasil

Confira Também