Nos acompanhe através das redes socias

Boletim Informativo

Para manter-se atualizado, cadastre seu e-mail e receba os nossos informativos periódicos!

02 de Abril de 2020

Clipping - Gazetaweb - ​AL registra 477 mortes por insuficiência respiratória este ano, diz levantamento

Fonte: Gazetaweb

Os cartórios de registro civil de Alagoas registraram 477 mortes por insuficiência respiratória entre primeiro de janeiro e esta quinta-feira (2), segundo levantamento divulgado hoje, pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoais Naturais (Arpen) Brasil. O número corresponde a 94,6% de todas as mortes por insuficiência respiratória registradas no Estado no ano passado.

Segundo a entidade, as mortes podem estar ligada à Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. Somente entre o dia 26 de fevereiro - quando o estado registrou o primeiro caso suspeito da doença - e esta quinta-feira, Alagoas registrou 163 óbitos por insuficiência respiratória - o correspondente a 34% do total de mortes ocorridas este ano no Estado.

De acordo com o levantamento da Arpen Brasil, Alagoas é o quarto estado do Nordete com o maior número de mortes por insuficiência respiratória este ano, atrás apenas de Pernambuco, que registrou 1.737 mortes, Ceará (960) e Paraíba (807). Na região, Servipe foi o estado que registrou o menor número de óbitos por insuficiência respiratória, com 338 ocorrências.

Segundo a Arpen Brasil, esses dados podem ser ainda maiores, uma vez que a Lei Federal 6.015 estabelece um prazo para registro de até 24 horas do falecimento, podendo ser expandido para até 15 dias em alguns casos. A entidade ressalta, no entanto, que uma norma do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) prevê que os cartórios devem enviar seus registros à Central de Informações do Registro Civil (CRC) em até oito dias após a efetuação do óbito.

"Mesmo a plataforma sendo um retrato fidedigno de todos os óbitos registrados pelos cartórios de registro civil do País, os prazos legais para a realização do registro e para seu posterior envio à CRC Nacional, regulamentada pelo Provimento nº 46 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), podem fazer com que os números sejam ainda maiores", informou a associação, por meio de assessoria de imprensa.

Número de mortes por insuficiência respiratória no Nordeste este ano:

Pernambuco 1737

Ceará 960

Paraíba 807

Alagoas 477

Bahia 475

Maranhão 449

Piauí 370

Rio Grande do Norte 365

Sergipe 338
Fonte: Gazetaweb

Confira Também