Logo Arpen BR Horizontal

Ouvidoria

Home / Comunicação

Notícias

Coluna da Sonia Racy, no Estadão, destaca norma sobre registro de crianças intersexos

Coluna da Sonia Racy publicada na edição desta quinta (29), no Estadão, destaca norma sobre registro de crianças intersexos com sexo \”ignorado\”, vigente em três estados do Brasil – São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul. No total, 26 pessoas já foram beneficiadas pela nova regra.

Leia abaixo – ou clique aqui e acesse a matéria no site do jornal.
   

Norma que autoriza registro de criança com ‘sexo ignorado’ já beneficiou 26 pessoas

    
Em nove meses de vigência, a normativa estadual que autoriza o registro de crianças como ‘sexo ignorado’ já beneficiou 26 pessoas. Os números foram levantados pela Associação Nacional de Registros de Pessoas Naturais. 

Ela vale para os Estados de SP, Rio Grande do Sul e Paraná e é direcionada aos chamados bebês intersexos, que, por motivos congênitos, não tem o sexo definido no nascimento.  

Com isso, a aferição do gênero pode ser complementada posteriormente em cartório, sem a necessidade de processo judicial.