Home / Comunicação

Notícias

Home / Comunicação

Notícias

Conarci 2021 é palco de lançamento de obras com foco na atividade extrajudicial brasileira

Três livros foram apresentados aos registradores civis presentes no XXVII Congresso Nacional do Registro Civil em São Luís (MA).

 

O XXVII Congresso Nacional do Registro Civil (Conarci 2021), realizado entre os dias 18 e 20 de novembro, em São Luís, capital do Maranhão, foi palco do lançamento de três obras com foco na atividade extrajudicial brasileira.

 

José Renato Nalini, desembargador aposentado do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ/SP), esteve presencialmente em São Luís (MA) e apresentou sua obra, escrita em parceria com Ricardo Felício Scaff, “Registro Civil das Pessoas Naturais e a 4ª Revolução industrial”.

 

Já Cristiana Carlos do Amaral Cantídio, tabeliã e oficial de Registro no Ofício Único de Lagoa Nova/RN; diretora institucional do Instituto de Registro de Títulos e Documentos e Pessoas Jurídicas do Brasil (IRTDPJBrasil); diretora institucional da Confederação Nacional de Notários e Registradores (CNR) e membro do Grupo de Trabalho do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) criado para apresentar medidas voltadas à modernização e à efetividade nos processos de execução e cumprimento de sentença, excluídas às execuções fiscais, lançou a obra “Notários e Oficiais de Registro como agentes da execução civil extrajudicial”, com prefácio escrito pelo presidente do STF, ministro Luiz Fux, que esteve presente na seção de autógrafos da autora.

 

Já a registradora civil em São Paulo e vice-presidente da Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen/SP), Daniela Silva Mróz apresentou seu novo livro “O Registro Civil das Pessoas Naturais: Filiação e Socioafetividade (Breve comparação entre o direito brasileiro e português”, que conta com prefácio escrito por Gustavo Ferraz de Campos Monaco, professor titular de Direito Internacional Privado Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). A obra trata do papel que mecanismos extrajudiciais podem e devem exercer para uma melhor administração do sistema de Justiça.

 

Conarci 2021

 

Pela primeira vez realizado no Estado do Maranhão, o Conarci 2021 debateu temas atuais e relevantes para o Registro Civil nacional, com foco em seis vertentes principais: cidadania, sustentabilidade, dignidade da pessoa humana, erradicação do sub-registro de nascimento, além de temas atuais como a desjudicialização – transferência de atos judiciais aos cartórios – e a proteção de dados pessoais.    

 

Além de reunir registradores civis de todo o Brasil, o Conarci 2021 foi transmitido para todo o País através da plataforma conarci2021.com.br.