Home / Comunicação

Notícias

Home / Comunicação

Notícias

Corregedoria de PE promove ação em Goiana e realiza 108 casamentos

O programa “Um passo a mais para a cidadania“, da Corregedoria Geral da Justiça do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), fez a diferença em Goiana, na última quarta-feira  (20). “Levamos mais eficiência e celeridade nas questões relacionadas, principalmente, a registro civil e ações de família para as comunidades carentes do interior pernambucano”, explica o corregedor geral da Justiça, Eduardo Paurá. A iniciativa é fruto da parceria com a Associação dos Registradores das Pessoas Naturais de Pernambuco (Arpen/PE).

Casamentos – Foram realizados 108 casamentos coletivos no teatro da cidade de Goiana, com a presença de amigos e familiares dos casais. O casal Jaqueline de Lima Lopes, 26 anos, auxiliar de limpeza, e Adriano Souza de Mendonça, 31, montador, estão juntos há 14 anos e tiveram dois filhos. “Para mim é a realização de um sonho. Essa oportunidade foi maravilhosa. Quero agradecer muito por ter tido a chance de ter um registro da minha união”, disse emocionado Adriano, que sofreu um acidente em abril deste ano e quase morreu.

Durante a solenidade, a juíza corregedora do extrajudicial da Capital, Fernanda Chuahy, falou sobre a importância da construção formal de uma família. “Hoje é dia de festa, um dia muito feliz, onde vocês se unem com quem amam para formar uma família. Quero lembrar da importância do diálogo e da paz para manter a união. Nunca desistam do casamento e dos filhos”, disse a juíza, que tem 22 anos de casada.

Comarca modelo – De acordo com a juíza Aline Cardoso dos Santos – que é diretora do Fórum da Comarca de Goiana e juíza de direito do Juizado Especial e das Relações de Consumo de Goiana – o interior estava um pouco esquecido. “Nesta gestão percebemos, tanto da Presidência quanto da Corregedoria, uma preocupação com as comarcas do interior”. Ela ainda explicou que procura sempre priorizar a conciliação. Isso se reflete nos números: o índice de conciliação é alto, tanto em audiências preliminares quanto nas de transação penal. Temos cerca de 70% de conciliações por mês e nossa produtividade foi sempre em torno de 300% nos últimos meses”, comemora.


Para a juíza Fernanda Chuahy, a comarca é exemplo de  gestão. “O comprometimento da juíza e de toda a equipe pela prática permanente de mutirão é essencial. É isso que faz a produtividade extremamente positiva. Ao mesmo tempo, gera cultura de paz na comunidade e deve ser exemplo para as outras comarcas, pois prioriza a conciliação”, conclui. Segundo Chuahy, no último Encontro dos Corregedores (Encoge), em São Paulo, a conciliação foi indicada como o método adequado para a solução de conflitos.


Deprecated: O arquivo Elementor\Scheme_Color está obsoleto desde a versão 2.8.0! Em vez disso, use Elementor\Core\Schemes\Color. in /home/arpenbrasil/public_html/wp-includes/functions.php on line 5569

Deprecated: O arquivo Elementor\Scheme_Typography está obsoleto desde a versão 2.8.0! Em vez disso, use Elementor\Core\Schemes\Typography. in /home/arpenbrasil/public_html/wp-includes/functions.php on line 5569