Logo Arpen BR Horizontal

Ouvidoria

Home / Comunicação

Notícias

Eleição dos novos dirigentes do TJ-AP para o biênio 2017-2019

A Corte do Tribunal de Justiça do Amapá realizou nesta quarta-feira (07), a 702ª Sessão Administrativa que definiu a escolha dos novos dirigentes do TJAP para o biênio 2017-2019.

A desembargadora Stella Simonne Ramos foi aclamada por unanimidade no cargo de presidente do Tribunal de Justiça do Amapá. O desembargador Carlos Tork, também escolhido por unanimidade, foi eleito vice-presidente; o desembargador Agostino Silvério Júnior, foi escolhido o novo corregedor-geral; e o desembargador Gilberto Pinheiro, também por unanimidade foi reconduzido ao cargo de diretor-geral da Escola Judicial.

“Sinto-me honrada por ter sido escolhida pelos meus pares para administrar a Justiça do Amapá. Não vejo dificuldade em conduzir este grande Tribunal, que nestes últimos 25 anos vem sendo conduzido com grande brilhantismo pelos colegas. Não tenho grandes pretensões de recriar o Tribunal, e sim apenas mantê-lo em águas tranqüilas e eficientes como vem sendo feito”, declarou.

Além da presidência do TJAP, vice-presidência e corregedoria geral de Justiça, os desembargadores indicaram para os cargos de presidente e vice-presidente/corregedor do Tribunal Regional Eleitoral do Amapá, os desembargadores Sueli Pini e Manoel Brito. A eleição para definição de quem ocupará cada cargo será em Sessão no TRE.

Presidida pela Desembargadora Sueli Pini, a Sessão Administrativa teve a participação dos Desembargadores: Gilberto Pinheiro, Carmo Antônio de Souza; Agostino Silvério; Raimundo Vales; Carlos Tork, Stella Ramos e Manoel Brito.