Logo Arpen BR Horizontal

Ouvidoria

Home / Comunicação

Notícias

G1 – Pandemia altera atendimento nos postos do Instituto de Identificação do Paraná; confira

Segundo a Polícia Civil, agendamentos para primeira via do RG estão suspensos por causa da pandemia, mas instituto tem atendido casos de urgência que precisam do documento.

 

Os agendamentos da Carteira de Identidade estão temporariamente suspensos no Paraná por causa da pandemia do novo coronavírus, segundo a Polícia Civil.

 

Nesse período, apenas casos de urgência estão sendo atendidos para a emissão da primeira via do documento. Veja abaixo quais são eles.

 

De acordo com o diretor do Instituto de Identificação, Marcus Vinícius Michelotto, a medida busca evitar aglomerações nos postos do órgão estadual.

 

Por isso, quem precisa atualizar a documentação, mas não tem urgência, deve esperar o cenário epidemiológico no estado melhorar.

 

Conforme a Polícia Civil, os moradores que precisam do novo RG com urgência devem comparecer ao posto do Instituto de Identificação da cidade e comprovar a necessidade.

 

Casos de urgência e documentos de comprovação

 

Retirar medicamentos na farmácia: Receita médica;

Internação hospitalar: Boletim de internação;

Trabalho (contratação e concurso público): Contrato de trabalho e edital de nomeação;

Viagem (a trabalho e situação de saúde): Notificação do trabalho e atestado médico;

Operações Financeiras (celebração de contratos para compra/venda de imóveis e veículos): Contrato de compra e venda;

Alteração de prenome dos transgêneros: Certidão de nascimento ou de casamento homologadas no cartório.

 

Casos não aceitos como urgência

 

Foto está antiga;

RG está vencido (no período da pandemia o documento tem validade por prazo indeterminado);

RG foi perdido: Só serão aceitos em caso de urgência comprovada. Nesse caso, a orientação é que a pessoa faça um Boletim de Ocorrência do extravio do Documento de Identidade.

 

Atendimento

 

Em Curitiba, o atendimento emergencial é realizado no Posto Central, na Rua Pedro Ivo, 386, das 10h às 16h.

 

Nas cidades do interior, os moradores devem verificar os horários especiais de atendimento. Para isso, a pessoa deve entrar em contato por telefone com o posto da região e confirmar os horários de atendimento.

 

Se for necessário ir a um posto de identificação, o cidadão deve adotar todas as medidas de segurança, como o uso de máscaras, manter a distância mínima de 1,5 metro entre as pessoas e não levar acompanhantes.

 

2ª Via Fácil

 

No caso da segunda via do RG, os cidadãos devem fazer a solicitação pela internet. Para isso, devem acessar o site do Instituto de Identificação do Paraná e clicar na aba “Serviços”. Ali, há o campo “Carteira de Identidade”.

 

A ferramenta da Polícia Civil se chama “2ª Via Fácil” e começou a funcionar em outubro de 2020. O valor para emissão do RG é de R$ 38,30.

 

Segundo a Polícia Civil, a solicitação remota do documento é possível para quem já teve os dados digitalizados no Instituto de Identificação do Paraná ou no Detran do Paraná.

 

A emissão será feita com base nas informações registradas no banco de dados do estado.

 

Fonte: G1 Paraná