Logo Arpen BR Horizontal

Ouvidoria

Home / Comunicação

Notícias

Justiça de Proximidade do TJMA concorre ao Prêmio Innovare

A premiação valoriza práticas que buscam modernizar o Judiciário e levar Justiça aos brasileiros

 

O Programa Justiça de Proximidade do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) concorre ao Prêmio Innovare, que visa valorizar práticas que buscam modernizar o Judiciário, transformar vidas e levar Justiça aos brasileiros.

 

Nessa quarta-feira (5/7), o TJMA recebeu membros consultores do prêmio para entrevista com o juiz auxiliar da Presidência, Nilo Ribeiro. A equipe pôde conhecer mais sobre as ações do Justiça de Proximidade, desde sua concepção até as dificuldades encontradas em cada edição.

 

Para o juiz Nilo Ribeiro, é um privilégio que o TJMA se apresente como candidato ao Prêmio Innovare com diversas boas práticas. “Esse programa representa um diferencial na gestão do Tribunal e procura aproximar a Mesa Diretora da justiça de primeiro grau, dos servidores e da sociedade através do aperfeiçoamento da prestação jurisdicional”, comentou.

 

Justiça de Proximidade

 

Iniciado em 20 de setembro de 2022, o Programa Justiça de Proximidade é uma força-tarefa que tem o objetivo de aprimorar, estruturar e atender às necessidades das comarcas do Estado, em concordância com os quatro eixos da gestão do atual biênio do TJMA.

 

Além disso, a iniciativa ainda possibilita a aproximação e diálogo entre a Presidência e os magistrados (as) e servidores (as) das comarcas do interior. Também integra o programa, o projeto Registro Cidadão que oferta serviços gratuitos de atendimento à população em parceria com a serventia extrajudicial da comarca visitada.

 

Em menos de um ano, 34 comarcas foram contempladas com ações e 705 servidores tiveram a oportunidade de participar do Justiça de Proximidade. O programa abrange uma série de iniciativas que vão desde o Registro Cidadão; Regularização Fundiária; promoção de palestras; atendimento médico e psicológico aos servidores; abertura de editais de doação; identificação de processos físicos aptos para o descarte e plantação de mudas.

 

Além destas ações, também compõem o programa as seguintes iniciativas: Programa de Difusão da Cultura de Segurança; Treinamentos Itinerantes da Segurança; Cronograma de manutenção de dispositivos de segurança e iniciativas que correspondam às demandas locais.

 

Sobre o Prêmio

 

Ao longo desses anos, o projeto já identificou mais de 8.500 práticas que compõem um banco de dados acessível a todos os interessados. As iniciativas são analisadas e julgadas por comissão julgadora composta por personalidades de alta qualificação técnica e grande credibilidade no meio jurídico e na sociedade de modo geral. Nas categorias Tribunal, Juiz, Ministério Público, Defensoria Pública, Advocacia, Justiça e Cidadania o tema é livre, podendo concorrer qualquer iniciativa que se enquadre no regulamento do prêmio.

 

Acesse aqui o álbum completo da reunião.

 

Fonte: Agência TJMA de Notícias