Home / Comunicação

Notícias

Home / Comunicação

Notícias

Noivos surdos têm cerimônia de casamento em libras no Amapá

O casal Tomé Júnior e Suelenne Souza, ambos com deficiência auditiva, realizou o sonho de se casar numa cerimônia celebrada em libras – língua brasileira de sinais -, por um padre também surdo, no Amapá. O matrimônio foi no domingo (22), em uma igreja na capital. A benção pelo sacerdote do Paraná foi uma surpresa aos noivos, organizada pelos amigos. A Rede Amazônica no Amapá registrou o momento. 

Tomé contou que ter o casamento celebrado por um padre surdo era um sonho. Ele e Suelenne ficaram noivos em janeiro de 2015. O casal se conheceu há quatro anos, durante um curso de libras, e o casamento foi marcado depois que ela ficou grávida.

O noivo disse que chegou a conhecer através da internet o sacerdote curitibano Wilson Czaia, que também é deficiente auditivo. Ele conta que tentou trazer o padre para Macapá, para a celebração do casamento, mas o sacerdote, conhecido por abençoar a união de surdos pelo país, informou que não poderia comparecer por conta de compromissos paroquiais.

“Nós conversamos e ele disse que não tinha como vir pois ele estava muito ocupado”, contou.

Suelenne disse que ficou triste pelo noivo. Mesmo assim, a família marcou o casamento na igreja Nossa Senhora Aparecida, no bairro Pacoval, Zona Norte de Macapá. A cerimônia seria celebrada por outro padre.

“Era um desejo nosso, pois o próprio padre disse ao meu marido que queria muito vir para cá, mas a agenda dele não estava conciliando com a data do nosso casamento”, disse Suelenne.

O que os noivos não sabiam, porém, era que um grupo de amigos do casal preparava uma surpresa para o dia do matrimônio. Eles haviam comprado as passagens aéreas para o padre, que iria aparecer de surpresa na igreja.

A ideia foi do coordenador da Pastoral do Surdo, Gabriel Cordeiro, que também é amigo do casal. Ele disse que se viu na obrigação de realizar o sonho dos noivos.

“Eu senti que Deus falava no meu coração. Combinei com outros amigos para poder ajudá-los, pagar a passagem do padre, fazer ele vir até aqui e fazer essa surpresa no dia do matrimônio”, contou Cordeiro.

O seminarista Wendel Chaves, do Pará, também ajudou com a surpresa. Ele anunciou, momentos antes do casamento iniciar, que o padre que faria a celebração não compareceria, e que, portanto, a cerimônia deveria ser remarcada.

“Após eu falar que não teria mais casamento eu pedi para eles [casal] olharem para trás, e eles viram o padre Wilson [do Paraná] entrando pela porta”, contou.

A presença do sacerdote curitibano e do seu intérprete na igreja emocionou noivos e convidados. Ele disse que a experiência valeu a pena.

“Foi um pouco difícil chegar, mas conseguimos. Foram sete horas de viagem até Macapá. Nós aceitamos esse sacrifício porque o mais importante é ajudar”, disse o sacerdote.

Emocionada, Suelenne falou que chegou a se desesperar com a situação, mas depois que descobriu a surpresa viveu uma experiência única.

“Foi um sonho realizado para mim e para o meu marido, pois a gente pensou que ia dar tudo errado e no final fomos surpreendidos. Foram momentos que eu nunca vou esquecer”, comemorou a noiva.


Deprecated: O arquivo Elementor\Scheme_Color está obsoleto desde a versão 2.8.0! Em vez disso, use Elementor\Core\Schemes\Color. in /home/arpenbrasil/public_html/wp-includes/functions.php on line 5569

Deprecated: O arquivo Elementor\Scheme_Typography está obsoleto desde a versão 2.8.0! Em vez disso, use Elementor\Core\Schemes\Typography. in /home/arpenbrasil/public_html/wp-includes/functions.php on line 5569