Logo Arpen BR Horizontal

Ouvidoria

Home / Comunicação

Notícias

Recivil promove treinamento sobre selo eletrônico

Belo Horizonte (MG) – O Recivil promoveu, nesta segunda-feira (29.09), um treinamento para oito registradores civis sobre o funcionamento do selo eletrônico, que está em fase de testes em serventias de registro civil de Minas Gerais.

 Os cartórios de Contagem, Tupaciguara, Teófilo Otoni, Araguari, Janaúba, Januária, Itaúna e o 1º oficio de Juiz de Fora irão participar do projeto piloto que será implantado pela Corregedoria-Geral de Justiça de Minas Gerais (CGJ-MG). Eles irão se juntar ao 1º ofício de Belo Horizonte e ao cartório de Mateus Leme, que já estão participando do projeto.

O treinamento serviu para mostrar o funcionamento do Cartosoft com a implantação do novo selo e o procedimento para solicitação dos arquivos de selo, além de esclarecer as dúvidas dos oficiais. O selo eletrônico é uma sequência de caracteres alfanuméricos gerados por um sistema e que pode ser adicionado em etiqueta ou mesmo na própria certidão, e visa oferecer mais modernidade, transparência, eficiência, agilidade e autenticidade aos documentos expedidos pelos serviços notariais e registrais do Estado.

A técnica judiciária da Genot (Gerência de Fiscalização dos Serviços Notariais e de Registro da CGJ-MG), Cristiane Araújo Mendes, participou do treinamento oferecido aos oficiais apresentando detalhes do projeto. Cristine explicou que, por enquanto, os cartórios participantes do projeto piloto irão utilizar os dois selos, tanto o físico como o eletrônico. Segundo ela, com o selo eletrônico não irá haver mais diferenciação entre o tipo de selo, como o de fiscalização, o certidão e o isento, pois em um único selo haverá vários atos vinculados.

Estamos sempre abertos a sugestões de vocês, porque sabemos que existem algumas dificuldades, que vão servir para aprimorarmos o sistema”, disse a técnica judiciária dirigindo-se aos registradores civis.


Em seguida, o analista de desenvolvimento do departamento de Tecnologia da Informação do Sindicato, Deivid Almeida, mostrou o que irá mudar no Cartosoft, bem como os relatórios que serão gerados para acompanhamento dos oficiais.


Esta nova etapa do projeto piloto terá início no dia 1° de novembro.