Logo Arpen BR Horizontal

Ouvidoria

Home / Comunicação

Notícias

TJDFT e instituições parceiras realizam quase 2 mil atendimentos no 5º PopRuaJud

Nesta quarta-feira, 17/5, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) promoveu o 5º PopRuaJud para atender pessoas em situação de rua com a presença do Presidente da instituição, Desembargador Cruz Macedo. O evento reuniu 566 pessoas no Pavilhão do Parque da Cidade em Brasília/DF. Na ocasião, foram realizados cerca de 2 mil atendimentos. O objetivo da ação foi facilitar o acesso à Justiça com a oferta de serviços de diversos órgãos parceiros.

 

“Ficamos emocionados em ver a procura que tivemos nos serviços oferecidos. Isso mostra que o CNJ, que conduziu esse programa, e o TJDFT estão no caminho certo, prestando assistência aqueles que realmente necessitam”, declarou o Presidente do Tribunal. Ao destacar a grande procura pelos serviços, o magistrado registrou ainda que “ontem à noite, viu diversas pessoas esperando o serviço aqui no pavilhão, essas pessoas dormiram aqui, vieram esperar”.

 

Sobre o novo espaço, o magistrado pontuou que “o TJDFT está muito feliz com a iniciativa em transferir o PopRuaJud para esse centro de eventos. Foi realmente uma ideia espetacular”. Esse é a primeira vez que o evento acontece no Pavilhão do Parque da Cidade com intuito de aumentar a oferta de serviços, conforme demanda do público nas edições anteriores. Os serviços mais procurados foram carteira de identidade, carteira de trabalho, regularização do título eleitoral e certificado de reservista.

 

A Coordenadora do evento no TJDFT, Juíza Luciana Yuki, disse que “a procura pelo mutirão demonstra um problema, que é um sintoma de que essas pessoas precisam de mais acessos aos serviços públicos e de acesso à Justiça”. Para a magistrada, a proposta do mutirão é concentrar os serviços para facilitar o acesso deles. Segundo a Juíza, “o Tribunal se mobilizou para participar do mutirão e colocou toda a energia e coração no evento hoje. A gente tem uma participação muito massiva. Temos 90 voluntários, entre Juízes e servidores”, além de 100 profissionais de outros órgãos trabalhando em prol da população vulnerável.

 

“Nunca tinha vivenciado uma experiência como essa, em que a noção de cidadania aqui é colocada em verdadeira prática”, declarou o Ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Sérgio Kukina. E acrescentou: “pessoas felizes sendo atendidas de forma respeitosa, e sobretudo, eficiente. O TJDFT está de parabéns! Esse evento tem que se repetir por mais vezes. Hoje eu me senti mais brasileiro”.

 

Prestigiaram o evento: o 2º Vice-Presidente do TJDFT, Desembargador Sérgio Rocha; o Conselheiro Mário Goulart Maia do CNJ; o Presidente do TRE-DF, Desembargador Roberval Belinati; o Juiz Auxiliar da Presidência do TJDFT Luis Martius  Júnior; o Juiz Carlos Alberto Martins, Presidente da Amagis-DF; a Secretária de Atendimento à Comunidade do DF, Clara Roriz; a Secretária de Estado Adjunta de Desenvolvimento Social do DF, Renata  O´Reilly; o Defensor Público-Geral do Distrito Federal, Celestino Chupel; o Subdefensor Público-Geral do DF, Fabrício Rodrigues de Sousa; o Presidente da Anoreg/DF, Allan  Guerra; o Titular do 4º Ofício de Registro Civil, Títulos e Documentos e Pessoas Jurídicas do DF, Paulo Henrique de Araújo; a Gerente de Atenção à Saúde de Populações em Situação Vulnerável e Programas Especiais da Secretaria de Estado da Saúde do DF, Juliana Oliveira Soares, representando a pasta; o Administrador Regional do Plano Piloto, Valdemar Medeiros; o Superintendente Nacional de Rede e Contencioso, em exercício, Carlos Augusto Andrade Jenier, representando a Presidente da CAIXA, Maria Rita Serrano e demais autoridades e parceiros da ação.

 

5º PopRuaJud

 

No evento, foram fornecidos diversos serviços, de mais de 30 órgãos parceiros, entre eles emissão de documentos como registro civil, CPF, título de eleitor, nada consta, carteira de trabalho digital (CTPS), Certificado de Reservista e certidões; consulta processual e redução a termo de demandas e conciliações; cadastros nos sistemas de assistência e benefícios do Governo Federal (CadÚnico e INSS); atendimentos relacionados a benefícios sociais e FGTS; serviços médicos, odontológicos, corte de cabelo e outros. O mutirão contou ainda uma unidade móvel com caixa de 500 litros para fornecimento de água da Caesb.

 

Fonte: TJDFT