Logo Arpen BR Horizontal

Ouvidoria

Home / Comunicação

Notícias

TJ/GO – UPJ dos Juizados da Fazenda Pública inaugurada nesta terça-feira otimiza serviços cartorários

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Walter Carlos Lemes, e o diretor do Foro da comarca de Goiânia, juiz Paulo César Alves das Neves, inauguraram, nesta terça-feira (13), a terceira Unidade de Processamento Judicial (UPJ) do Judiciário goiano, a UPJ dos Juizados da Fazenda Pública. A solenidade de inauguração aconteceu na sala onde está instalada a UPJ, no 9º andar do Fórum Cível Heitor Moraes Fleury, no Park Lozandes. A UPJ foi instituída em julho, pela Portaria nº 272/2020. 

O desembargador Walter Carlos Lemes destacou que a instalação de UPJ era um dos projetos para melhorar a prestação jurisdicional e sua implantação implica no aumento da produtividade do Judiciário goiano, que está entre os primeiros dentre os tribunais de médio porte em produção. “Nós trabalhamos para avançar a informatização do Tribunal e, hoje, os magistrados e servidores têm a tecnologia e a informatização a seu favor”, declarou o presidente, adiantando que entregará a gestão tendo executado cerca de 90% dos projetos planejados.

Todas as três UPJ\’s do TJGO foram instaladas na gestão do desembargador Walter Carlos e, de acordo com o diretor do Foro de Goiânia, “esse modelo avançado de modernização do trabalho executado pelas escrivanias deverá se estender para outras unidades e se fortalecer cada vez mais no Judiciário goiano”. Ele adiantou, ainda, que outras unidades deverão ser instaladas na comarca de Goiânia até o final da atual gestão. O juiz Paulo César Alves das Neves explicou que a padronização do trabalho e a especialização dos servidores refletem em uma qualidade superior na prestação cartorária.

Juiz coordenador da 1ª UPJ dos Juizados da Fazenda Pública, Roberto Bueno Olinto Neto observou que a divisão do trabalho entre os servidores, com tarefas específicas e estabelecimento de metas, tem trazido benefícios para todos. “Percebemos um nítido aumento de produtividade. Essa agilidade beneficia não só o Judiciário internamente, mas muito mais o jurisdicionado, que ganha celeridade no andamento do seu processo.”

Também prestigiaram a solenidade os magistrados Osvaldo Rezende Silva, do 2º Juizado Especial da Fazenda Pública, e Fernando de Mello Xavier, do 10º Juizado Especial Cível; diretores e servidores do TJGO, e, também, o procurador-geral do Município de Goiânia, Brenno Kelvys.

Produtividade da UPJ

A UPJ dos Juizados da Fazenda Pública entrou em funcionamento em julho deste ano, com uma equipe formada por 14 servidores, 16 estagiários, duas gestoras de equipe e uma gestora master. A unidade também faz parte do projeto piloto do Programa de Inteligência e Automação Processual do TJGO. O serviço foi dividido em três setores: atendimento, expedição e andamento. Em julho, primeiro mês de funcionamento da UPJ, foram produzidos 27.575 atos; em agosto 36.817 e, em setembro, a produtividade saltou para 44.458 atos.